Pretende-se que o estudante seja integrado e acompanhado numa entidade profissional onde possa:

1) Selecionar um grupo alvo e desenvolver um programa/ação de aconselhamento no sentido de orientar a realização de escolhas mais saudáveis;

2) Selecionar um indivíduo e desenvolver um programa individualizado de mudança comportamental, avaliando as necessidades, selecionando as estratégias adequadas e acompanhando todo o processo;

3) Com base na experiência adquirida, refletir sobre a atuação profissional na área da promoção de estilos de vida.


A unidade curricular de "Métodos de Aconselhamento" insere-se no âmbito do semestre do «Comportamento» da Licenciatura em AFEVS, que é lecionada no 3º semestre (2º ano), com o objetivo de transmitir conhecimentos e competências aplicadas ao aconselhamento para a mudança comportamental.

No final da Unidade Curricular os alunos deverão ser capazes de:

1) Compreender, analisar e discutir os principais  modelos e teorias subjacentes à mudança comportamental, que apoiam a intervenção no contexto da atividade física, saúde e  estilo de vida;

2) Planear e implementar propostas de intervenção comportamentais, com o intuito de alterar/modificar comportamentos, no contexto da atividade física, saúde estilo de vida, tendo por base os principais modelos para a mudança comportamental;

 3) Compreender e analisar instrumentos de avaliação e ferramentas técnicas que oferecem suporte à intervenção para a mudança comportamental no contexto da actividade física,saúde e estilo de vida.

A UC “Psicologia da Saúde” insere-se no âmbito do “Semestre da Mudança Comportamental” da Licenciatura AFEVS, pressupõe a reflexão sobre os campos da aplicação dos modelos e metodologias da Psicologia aos campos da Saúde e da Doença, assumindo a relevância dos sistemas sociais nos quais o indivíduo participa, com os quais evolui ao longo do seu desenvolvimento e que colaboram na organização de estados da saúde e de doença mental e psíquica.

Esta UC envolve o conhecimento de princípios da "Psicologia da Saúde", que são necessários para explicar o comportamento e para influenciar a mudança comportamental.